terça-feira, 20 de outubro de 2009

Crepúsculo...


Era crepúsculo quando saí de casa, ao redor da estrada pairava um nevoeiro matinal que cobria a vegetação mais próxima. O orvalho que pendia, desejoso por se aquecer nos primeiros raios de sol, ajudou a dar este toque cintilante, foi o suficiente para me cativar a tirar a fotografia.
Crepúsculo: vulgarmente conhecido pelo já imortalizado lusco-fusco.

4 comentários:

Pedro disse...

Adoro as cores que se fazia, e a vegetação molhada....

Anónimo disse...

toque cintilante...
orvalho...
gatinhos...

chamem o Fernando

Mariano Silva disse...

Já vens tarde amigo, já contactei o Fernando há dois dias e ficou combinado saltarmos da ponte de Vila Franca no Sábado de manhã, depois vamos beber uns canecos e mandar umas capachorradas nuns GNR's.

Anónimo disse...

Extraordinária captação!

Continua a esmiuçar o teu talento! :)

Catarina Carrola